Doria prorroga quarentena em SP com flexibilização progressiva

Medida entra em vigor a partir do dia 1º de junho.


Em entrevista coletiva realizada no Palácio dos Bandeirantes, nesta quarta-feira, 27, o governador de SP, João Doria, anunciou a prorrogação da quarentena no Estado por mais 15 dias, com flexibilização progressiva a partir da próxima segunda-feira, 1º. As medidas levarão em conta as características de cada munícipio.


O governador afirmou: “A partir do dia 1º de junho, por 15 dias, manteremos a quarentena, porém, com uma retomada consciente de algumas atividades econômicas no estado de São Paulo”.


"Retomada consciente"


A “retomada consciente” prevista por Doria será dividida em cinco fases, definidas por ordem decrescente de gravidade. A classificação é baseada em dois critérios: capacidade hospitalar instalada e evolução da epidemia.


Segundo o governador, a retomada "será possível nas cidades que tiverem redução consistente do número de casos, disponibilidade de leitos em seus hospitais públicos e privados e estiverem obedecendo o distanciamento social nos ambientes públicos, além da disseminação e do uso obrigatório de máscaras".


Inicialmente, a cidade de SP vai se enquadrar na fase 2. Veja quais atividades poderão funcionar em cada etapa:



Além disso, os setores da economia poderão encaminhar às prefeituras seus planos de reabertura e caberá à gestão municipal definir quem e quando poderá reabrir.


Veja o panorama do Estado:


Coronavírus no Estado


Atualmente, SP contabiliza 83.625 casos confirmados de covid-19, com 6.220 óbitos.



Fonte: Migalhas